Odontogeriatria

Especialidade da odontologia que trabalha com pacientes com mais de 60 anos, que tem como objetivo a integração social, psicológica, funcional e preventiva de doenças orais que podem aumentar os riscos de doenças sistémicas em idosos.

Essas doenças acontecem durante o processo de envelhecimento, como, por exemplo, a osteoporose, artrite, artrose, diabetes, incluindo, nessa categoria, os problemas cardiovasculares e endócrinos. Não podemos esquecer das doenças crónicas neurodegenerativas que atingem a terceira idade, como mal de Alzheimer, demências e doença de Parkinson. Daí a importância desta área da medicina dentária.

A higienização diária e a visita regular ao dentista (de 6/6 meses) são fatores decisivos na manutenção da saúde oral como um todo, evitando assim as doenças orais crónicas presentes no idoso: cáries de raiz, xerostomia (boca seca), atrição/abrasão, lesões da mucosa oral (candidíases, leucoplasias, etc), cancro oral, doenças periodontais, entre outras.

O fato de não ter seus dentes tratados, ou a ausência de Prótese Total ou de uma Prótese Parcial Removível adequada, aguça um sentido de mutilação que é característico da idade avançada. Seja na família, no trabalho ou nos ambientes sociais, o idoso não deve ter restrições de sorrir, falar ou selecionar alimentos adequados à sua condição funcional de mastigação.

Há uma diminuição natural na secreção dos sucos gástricos com a idade, por isto o preparo correto do bolo alimentar na boca é primordial.

A prática moderna da Odontologia com a geriatria comunga dos mesmos ideais da Medicina em tornar o idoso uma pessoa feliz numa fase tão importante de sua vida, mantendo ou restabelecendo a vital integridade do Sistema Mastigatório e a beleza do seu sorriso.

Médico Dentista Dr. António Ribeiro
Odontogeriatria
arrow_upward